Violino

Bem-vindo!

Vídeo da semana!

Violino

Violino é um blog com dicas, técnicas e curiosidades sobre o mundo do violino voltado ao público iniciante no instrumento.

Eu, Tiago Cox, moro em Belo Horizonte e sou músico profissional. Sou professor de violino, arranjador, compositor, toco em orquestras, cerimônias de casamento e eventos em geral.

Seja bem-vindo ao meu blog!
>

Blog Violino

por

Redes Sociais

Acompanhe o blog nas redes sociais

PARTITURAS GRÁTIS PARA DOWNLOAD

Clique aqui e acesse a lista de partituras

    Postado por: Tiago Cox Data: quarta-feira, abril 29, 2015 / comentário : 0

    Olá pessoal!

    Hoje reservei um tempo para falar sobre nossa querida Orquestra Sinfônica de Minas Gerais (OSMG).





    Esse ano (2015) não tem sido um dos melhores anos para a cultura aqui em Minas, mas a OSMG está contornando essa situação trazendo ao público concertos excelentes!


    Por que estou falando da OSMG? Bom, primeiramente por que é uma orquestra que acompanho desde de criança, seja pela TV, indo aos concertos no Palácio das Artes ou em locais públicos. Resumindo, é uma orquestra que conheço muito bem! Já tive meus momentos bons e ruins com ela... já elogiei e já critiquei...


    Desde o último concurso realizado, pude acompanhar um pouco mais de perto a orquestra, principalmente esse ano.  E confesso...  a OSMG me surpreendeu! Quem me conhece sabe que essa não é uma tarefa fácil...


    Lembro-me  do primeiro concerto realizado em 2013, depois da inclusão dos novos músicos. Sob a regência do Maestro ROBERTO TIBIRIÇÁ, a OMSG juntamente com o CORAL LÍRICO DE MINAS GERAIS executaram a 9ª Sinfonia de BEETHOVEN. Não sei como é fora de MG, mas existem três formas de lotar uma sala de concerto aqui e uma delas é execução da 9ª SInfonia (precisou até de um concerto extra na época).


    Outra série que agradou bastante o público, foi a "SINFÔNICA POP". Foram concertos realizados com grandes nomes da música popular brasileira. Nessa série destaco o trabalho envolvido na produção, principalmente dos arranjadores. O prazo de um concerto para o outro era muito curto! Então os arranjadores tinham que trabalhar muito rápido e sem perder a excelência de um bom arranjo. Nessa época pude conhecer mais o trabalho do Maestro MARCELO RAMOS (Maestro Titular da OSMG) como compositor/arranjador através da SUITE MINAS GERAIS (vídeo abaixo).






    2015

    Esse é o ano que estou mais próximo a OSMG. Tenho estudado bastante o funcionamento dessa orquestra. Isso mesmo, vou aos concertos e fico estudando as orquestras e salas de concerto. Se me ver em um concerto por aí, vai reparar que fico olhado para todos os lados... E um ponto forte que pude reparar na OSMG foi a capacidade de contornar o ambiente de trabalho. Fiquei impressionado com a forma que a OSMG tocou nos museus de BH. Mesmo em locais onde se tem perda de frequências baixas, ou reverb em excesso, baixa projeção sonora, etc., a orquestra tocou a todo vapor.


    Para mim, esse ano também foi muito marcante. A obra de abertura da série "SINFÔNICA EM CONCERTO" foi minha peça favorita, o "MARACATU DE CHICO REI" de FRANCISCO MIGNONE. Para quem não conhece, MIGNONE possuía uma orquestração complexa e cheia de efeitos. Isso cria uma espécie de "labirinto" para os músicos. Fiquei lisonjeado quando o ALEXANDRE KANJI (Spalla da OSMG)  me perguntou: "E aí o que você achou da orquestra tocando o Marcatu?". Isso deve-se por um comentário que meu amigo SAMUEL GOMIDE (violinista da OSMG) fez: "O Cox conhece essa peça de trás pra frente!". O que pude perceber na pergunta do Alexandre foi a preocupação na crítica do público, algo do tipo: "O que podemos melhorar na OSMG?". Enfim, o MARACATU foi o sensacional, mantendo a OSMG no cargo de melhor interpretação do MARACATU. Quem quiser saber o por que digo isso, me pergunte...


    A OSMG trouxe também uma outra proposta interessante, a série de concertos "SINFÔNICA AO MEIO-DIA". Basicamente são concertos GRATUITOS realizados dentro do Grande Teatro na hora do almoço (12h). Essa iniciativa chamou a atenção do público e principalmente a minha (estou assistindo antes de ir para o ensaio... Rs). E o repertório é bem concertante! Obras de grande importância estão executadas! É uma espécie de "prelúdio" para a série "SINFÔNICA EM CONCERTO". Essa série conta também com maestros convidados (gostei da ideia, normalmente os maestros convidados não fazem esse tipo de concerto).


    Para finalizar, quero parabenizar a OSMG. A evolução da orquestra está bem evidente com essas iniciativas. O que vejo é uma orquestra tradicional brasileira com objetivos e propostas inovadoras.


    Se você quiser acompanhar o trabalho da OSMG, entre no site da FUNDAÇÃO CLÓVIS SALGADO (PALÁCIO DAS ARTES) e assine a newsletter (menu superior direito) para receber informações de tudo  que acontece por lá. Abaixo segue o link:

    FUNDAÇÃO CLÓVIS SALGADO: http://fcs.mg.gov.br/


    Até a próxima!



    icon allbkg

    Tagged:

    Próximo
    Postagem mais recente
    Anterior
    Postagem mais antiga

    Nenhum comentário :

    Gostou? Deixe um comentário!

    Obrigado! Seu comentário será revisado.

Comentários

dos leitores